As futuras novelas da Globo

22/11/2006

Fonte: Google
Fonte: Google

20h

Paraíso tropical (Gilberto Braga e Ricardo Linhares) - A trama se passa no bairro carioca de Copacabana, terá Alessandra Negrini como protagonista. Camila Pitanga viverá Bebel, uma baiana que chega ao RJ em busca de uma vida melhor, mas acaba se prostituindo no calçadão.

É a educação, estúpido! (Aguinaldo Silva) - Irá discutir o ensino e a favelização. Alguns atores de "Senhora do destino" já estão escalados, como Marília Gabriela, Mylla Christie, Renata Sorrah e Susana Vieira, que será a protagonista Leonor Vilella.

Amor pantaneiro (Benedito Ruy Barbosa) - Nada decidido a respeito do par romântico principal, embora indícios apontem a dobradinha Antônio Fagundes e Patrícia Pillar, de "O rei do gado" (1996). A trama teria, ainda, Raul Cortez, vivendo um personagem árabe. Devido seu falecimento, o personagem foi excluído da história.

19h

Os sete pecados capitais (Walcyr Carrasco) - Walcyr e Jorge Fernando de novo! A trama está prevista para estrear em junho do ano que vem e, provavelmente, teremos novamente Mariana Ximenes e Carolina Dieckmann nos papéis principais.

Muralha da China (Miguel Falabella) - Após a agradável "A lua me disse", Falabella escreve uma trama que envolverá a máfia chinesa e inseminação artificial, ou seja, talvez o plano de fundo se assemelhe à "Methamorphoses", onde o envolvimento era entre a máfia japonesa e cirurgia plástica.

18h

Eterna magia (Elizabeth Jhin) - A trama manterá o horário das seis com novelas de época. Sílvio de Abreu será o supervisor de texto, da mesma forma que o fez em "Da cor do pecado".

Memória da TV: "Felicidade" (1993)

- Para substituir a trama, Ivani Ribeiro preparava o remake de "Mulheres de areia", mas com a gravidez de Glória Pires, Walther Negrão foi chamado às pressas e escreveu "Despedida de solteiro".

- Vivianne Pasmanter estreava na TV vivendo a vilã Deborah.

- O penúltimo capítulo foi apresentado na quinta e reprisado na sexta. Já o último foi apresentado no sábado e reprisado na segunda.

- No "Vale a pena ver de novo", foi apresentada em 55 capítulos, sendo que possuía 221.

Se é pra cascudear, tá cascudeado!