#Dickinson é atração na Apple TV+

17/06/2020

Fonte: Reprodução
Fonte: Reprodução

Com uma linguagem moderna, dialogando com o clássico da poesia e uma atemporalidade marcada em sua trilha sonora contemporânea, que pontua brilhantemente a atuação de Hailee Steinfeld, a série "Dickinson" (2019) da Apple TV+ é uma produção arrojada. Ao contar a história da poetiza Emily Dickinson, somos imersos numa sociedade norte-americana ainda em formação. A família da escritora é tradicional e chegara a Amherst, no Massachusetts, cerca de dois séculos antes. Para o pai, o político Edward Dickinson (Toby Huss), a filha deveria se abster das palavras, pois seria uma afronta ao nome da família.

O conflito na série está na representatividade. Embora a escrita seja parte de sua vida, Emily não frequenta a escola, destinada aos garotos. Junto com Sue (Ella Hunt), sua melhor amiga e noiva de seu irmão, Austin (Adrian Enscoe), disfarçam-se de rapazes e assistem uma aula sobre vulcão numa cena memorável. Maior referência aos sentimentos que a jovem carrega dentro de si é impossível. A jovem é um vulcão, que não vê nada demais em ler Shakespeare. Se por um lado a personagem dialoga com a morte numa carruagem, por outro ela é cheia de vida.

No elenco, um dos destaques é Samuel Farnsworth, no papel de George Gould. O ator é dono de um carisma incrível ao viver o pretendente de Emily, ainda que com ressalvas à sua personalidade, consoante ao pensamento patriarcal retratado. No episódio que aborda os ensaios de Otelo, obra de Shakespeare, seu personagem perde pontos com a audiência ao discordar da participação de Herny (Chinaza Uche), mas ganha profundidade ao deixar de parecer apenas o amigo de Emily para legitimar seu interesse em se casar com a jovem.

Apaixonante é uma palavra capaz de resumir um pouco sobre a série, cuja primeira temporada traz dez episódios intensos. Uma segunda temporada está prevista, mas diante da paralização de vários setores do audiovisual em razão da pandemia de Covid-19, será preciso aguardar novas informações sobre a continuação.

Fonte: Google
Fonte: Google

Lucas Andrade é natural do interior do Rio Grande do Sul e reside atualmente em Santa Catarina. Escreve sobre televisão desde o Ensino Médio no #BlogCascudeando. Formado em Psicologia e com Mestrado em Educação, atua na área e está cursando Letras-Português. Ainda pretende ganhar o Nobel de Literatura e um Oscar.