Manoel Carlos Lombardi

27/01/2014

Fonte: Reprodução
Fonte: Reprodução

Não sei se vocês já perceberam, mas existe uma ligação muito forte entre os autores Manoel Carlos e Carlos Lombardi. Pra começar, os autores parecem contraditoriamente no quesito estilo. De um lado, Manoel Carlos com seu naturalismo, buscando um diálogo próximo à realidade e situações cotidianas. Do outro, Carlos Lombardi com uma história hipnótica, com diálogos sarcásticos e situações completamente fora do comum. Os autores se ligam por serem opostos. Mas não fica só nisso.

A partir da próxima semana, "Pecado mortal" altera seu horário de exibição. A trama de Carlos Lombardi está mais ou menos na metade e, infelizmente, não dá audiência. É sem dúvidas a melhor novela em exibição atualmente. Porém, o público não captou a proposta. Indo além, tem a questão do preconceito às tramas de Carlos Lombardi. Taxadas como apelativas, onde só acontece cenas de cunho sensual e violência, os telespectadores perdem a oportunidade de acompanhar uma narrativa inteligente, tiradas fantásticas e boas atuações. Confesso que "Pecado mortal" é a primeira novela da Record que eu assisto pra valer. Assisto pela internet - estou atrasado, mas dou um jeito.

Por acaso, a primeira novela inteira que eu assisti pela internet foi "Felicidade", que o Viva exibiu ano passado. Novela de Manoel Carlos, que contava com a então menina Tatyane Goulart no elenco. Por acaso, a atriz atualmente faz parte da "companhia lombardiana de comédia", tendo atuado em diversas novelas de Carlos Lombardi. Mas deixemos a menina Bia de lado. O fato é que "Pecado mortal" passa a disputar com "Em família" na faixa das 21h. A partir da próxima semana, a Record vai exibir uma semana de compacto do que já aconteceu na trama. Quem não tiver paciência para a primeira fase do Maneco, fica a dica.

Já que Manoel Carlos e Carlos Lombardi vão disputar o mesmo horário, vamos fazer uma curiosa retrospectiva. Em 2006, época de "Páginas vida", qual novela a Globo passou a exibir no horário das sete? "Pé na jaca"! Por acaso, ambas com a letra P - o que não significa nada. E em 2003? "Mulheres apaixonadas" no horário das 21h, "Kubanacan" no horário das 19h. Indo mais longe... "Laços de família" e "Uga uga" eram contemporâneas em 2000. Medo? E se eu disser que "História de amor" começou pouco antes do término de "Quatro por quatro"? Lá estavam Manoel Carlos e Carlos Lombardi com novelas exibidas ao mesmo tempo. Talvez por isso seja tão difícil ver a patota do Maneco atuando em novela do Lombardi e vice-versa. Isso sem contar que "Felicidade" e "Perigosas peruas" também foram contemporâneas... Assim, desde a década de 1990, Manoel Carlos e Carlos Lombardi somente por duas vezes não estiveram no ar ao mesmo tempo: tomando como referência as novelas do Maneco, épocas de "Por amor" e "Viver a vida".

Diante de tantas coincidências, a pergunta que não quer calar é a seguinte: estamos realmente sob o domínio da Nova Ordem Mundial? Não sei... Como diria a Anita de Manoel Carlos, "Nada é coincidência, tudo está escrito". E, só por curiosidade, atualmente Mel Lisboa integra o elenco de "Pecado mortal"...

Ah... Já ia esquecendo... A foto ilustrativa do texto é da Vivianne Pasmanter (Felicidade, Por amor, Uga uga, Kubanacan, Páginas da vida, Guerra & paz, Em família), atriz queridinha dos dois autores que interpretará Shirley, vilã de "Em família", que estreia semana que vem!

Mudando de assunto: "Por teu amor", trama protagonizada por Gabriela Spanic e já exibida pelo SBT, terá sua primeira reprise a partir de fevereiro nas tardes da emissora. Apesar da pouca repercussão, trata-se de uma ótima história, que em seu início conta com belíssimas paisagens. No folhetim, todos os dramas já costumeiros dos dramalhões, personagens nada dúbios e aquela sensação de maquiagem carregada e textos poéticos. Uma ótima história que vale a pena conhecer e que pode garantir ao SBT bons resultados, pois conta com a protagonista de "A usurpadora" em uma novela pouco conhecida. Quase cult!

Lucas Andrade é natural do interior do Rio Grande do Sul e reside atualmente em Santa Catarina. Escreve sobre televisão desde o Ensino Médio no #BlogCascudeando. Formado em Psicologia e com Mestrado em Educação, atua na área e está cursando Letras-Português. Ainda pretende ganhar o Nobel de Literatura e um Oscar.