Novela com boa história

11/11/2008

Fonte: Reprodução
Fonte: Reprodução

Que as novelas da Globo perderam audiência, não é novidade. Que o mercado está cheio de produções nacionais, ninguém duvida. Por isso, resolvi trazer uma lei imutável: novela boa é novela com história boa. Básico, não?

Esses dias eu estava no youtube assistindo à novela que era exibida no ano que nasci: "Vale tudo". Assisti ao primeiro capítulo inteiro da trama e achei uma estrondosa semelhança com o primeiro capítulo de "Amor e intrigas" da Record. Claro que a comparação entre a história das duas é um capítulo à parte, mas o que me chamou atenção foi que, tanto numa, quanto na outra, fiquei com vontade de saber o que aconteceria no capítulo seguinte. Prova de que uma boa história traz audiência. E não é a toa que as duas foram muito bem nesse quesito.

Depois de "Vale tudo", centrei minhas atenções em "A indomada". Novela do Aguinaldo Silva de 1997. Uma história cheia de personagens caricatos e com cenas bem elaboradas. Então pensei: quanto tempo faz que a Globo ou outra emissora não produz uma novela das oito fora do eixo Rio-São Paulo? Ou então quando foi a última vez que saímos verdadeiramente dos centros urbanos? "A favorita" que está aí só apresenta uma sequências de armações e crimes. "Pantanal", que o SBT reprisa, é um exemplo do meu ponto de vista. Texto excelente sem a necessidade de sequestros, assassinatos e troca de favores.

Ainda na Globo, temos que lembrar de "Negócio da China" e "Três irmãs". Nenhum estrondo. Já na Record, pensemos em suas produções: "Os mutantes", novela sem comentários; e "Chamas da vida", aposta da emissora em temas polêmicos como HIV, pedofilia, gangues e aborto que apenas mantém os números. Na Band, "Água na boca" se despede sem dizer a que veio. No SBT, "Revelação" será revelada. Aguardo tramas que verdadeiramente me prendam a atenção ao mesmo tempo que saem do mais do mesmo.

Mudando de assunto...

A história de "Caras & bocas", novela de Walcyr Carrasco substituta de "Três irmãs", já está circulando. Tráfico de animais e um macaco de protagonista, ao lado de Malvino Salvador e Flávia Alessandra são alguns dos elementos da próxima novela da Globo. O "Senhor das seis" ainda não emplacou no horário das sete. "Se7e pecados" foi a esperança da emissora carioca no horário, mas a trama acabou passando sem muitas novidades. Preciso dizer ainda que foi a primeira novela atual dele na emissora. Talvez o estilo do autor seja mais as novelas de época...