Novela mexicana na Record?

19/04/2012

Fonte: Reprodução
Fonte: Reprodução

Confesso que nunca entendi o motivo de a Record co-produzir folhetins mexicanos. A parceria da emissora com a Televisa é um enigma. A união aconteceu justamente num dos melhores momentos da teledramaturgia do canal, que investia em folhetins brasileiros com autores brasileiros. E o que parecia um retrocesso parece que pode retroceder ainda mais.

Alguns sites começaram a informar que, além dos remakes, novelas dubladas podem dar as caras. Que o DNA latino pertence ao SBT, todo mundo sabe. E diante do fato, uma pergunta: por que uma emissora que se diz de primeira iria andar para trás? A resposta mais óbvia seria o gasto, que seria menor. Mas a longo prazo, isso acaba se tornando apenas um ato impensado que põe em xeque a credibilidade da emissora.

Enquanto "Rei Davi" gastou muita verba da dramaturgia, deixando a novela "Máscaras" com menos recursos (o pessoal deve estar trabalhando 12 horas por dia rs), a série "Fora de controle" é co-produzida. A Record tem feito pouco caso de seu principal produto televisivo. O RecNov é um sonho que ainda não tomou a forma que deveria. Diante do exposto, fica a questão: é dessa forma que a emissora vai se consolidar? Parece que a situação não está das melhores...

Mudando de assunto: Sônia Abrão no SBT? Tom Cavalcante no SBT? Letícia Dornelles e Leonôr Correia numa parceria no SBT? Gente, o que está acontecendo com a emissora do tio Sílvio? Algumas novidades estão aí! A volta de programas e o lançamento de "Carrossel" devem movimentar a Anhanguera nos próximos dias. Como diria Sílvio Santos, aguardem!