Oito anos até altas horas

27/10/2008

Fonte: Reprodução
Fonte: Reprodução

Um dos melhores programas da Globo comemorou oito anos num especial exibido no último dia 25. Falo do "Altas horas", uma opção para quem costuma ficar, desculpe o trocadilho, até altas horas da noite em casa vendo TV ou para quem dá uma lagarteada, termo aqui do Rio Grande do Sul, e volta pra casa após perceber que o sábado não deu balada que prestasse nem parceria que agradasse.

Serginho Groisman e sua equipe estiveram em Porto Alegre no início do mês gravando o programa no Theatro São Pedro. Na ocasião, o "Jornal do almoço" da RBSTV fez uma reportagem com os convidados do especial. Maria Rita, Arnaldo Antunes, Fresno e Fernanda Takai foram alguns dos convidados.

Na plateia da comemoração, estudantes universitários. O contato com os jovens é uma marca registrada quando Serginho está no comando. O apresentador saiu da TV Cultura para o SBT na década de 1990, sendo o principal apresentador do "Programa livre". Migrou para a Globo com seu estilo. Também comando o comando do "Ação".

Serginho Groisman é um ótimo apresentador. A sua interação com a plateia consegue ser clara, direta e, acima de tudo, respeitosa com a expressão das opiniões sobre os mais diversos assuntos abordados, tanto com pessoas de áreas específicas quanto com artistas. Tudo com muito som, é claro. Esperamos que por mais alguns anos o programa permaneça na grade da Globo.

Mudando de assunto...

Flora (Patrícia Pillar) ou Donatela (Cláudia Raia)? Em quem podemos confiar? Qual a sua favorita? A novela do horário nobre transformou-se num verdadeiro folhetim. Uma história bastante interessante, mas que raramente ultrapassa a casa dos quarenta pontos. Com seu final previsto para o início do ano que vem, começa uma terceira fase em sua história: a descoberta dos crimes de Flora. Mas dificilmente sua média terá um aumento significativo nessa reta final. O que é uma pena, pois, da Globo, é a segunda melhor novela no ar atualmente. A primeira é, sem dúvidas, a reprise de "Mulheres apaixonadas".